sexta-feira, 27 de fevereiro de 2009

O Concurso de peido





















Esse cordel relata um concurso de peido onde representantes de vários países parcitipam, inclusive um brasileiro. Advinha quem ganhou esse concurso?
(31 versos)

Alguns trechos do Cordel:


O peido que ele soltou
Estremeceu o lugar,
Deu tontura na platéia
Que gritava sem parar:
Eita peido arretado!
Foi um peido de lascar.

Logo depois do alemão,
Veio então o francês,
Soltando o seu peidinho
Delicado e cortês;
Que a platéia até dizia:
Pode peidar outra vez!

Mas depois de alguns segundos,
A catinga foi subindo,
Se espalhando entre o povo
Que foi logo concluindo
Que apesar de bonitinho,
O fedor foi se sentindo.

Depois veio o japonês,
Ligeirinho como quê,
E já tinha até tomado
Uns dois litros de saquê;
Pra ver se facilitava
O que ele iria fazer.

Nenhum comentário:

Postar um comentário